Estado

Foto: Divulgação

Segundo a Secretaria Estadual de Administração informou ao Conexão Tocantins nesta segunda-feira, 12, a portaria da pasta que vai trazer o cronograma do recadastramento dos servidores estaduais já está pronta faltando apenas a decisão do secretário Lúcio Mascarenhas para publicar no Diário Oficial.

O recadastramento de todos os servidores pretende levantar e tentar identificar se há servidores fantasmas na atual administração como já afirmou o secretário.

Na semana passada Maria Batista da Silva foi exonerada do cargo de auxiliar de Serviços Gerais e Alzira Póvoa Leal de Oliveira do cargo de professor assistente por não terem sido encontradas nas funções. Segundo justificou a Secad as servidoras não pertencem ao quadro desde 1990 só que o cadastro estava ainda ativado.

Conforme a pasta, a publicação da exoneração foi apenas para cumprir o rito burocrático e não houve prejuízo financeiro para o Estado com relação às servidoras.