Polí­cia

Foto: Divulgação

Policiais Civis, da 2ª Delegacia de Polícia de Gurupi, com o apoio da equipe do Grupo de Operações Táticas Especiais – Gote, deflagraram uma operação com início na terça-feira, 25, em Palmas, para prender Manuel Eduardo Teixeira de Souza, 22 anos, e Edivan Alves da Silva “Jaó”, 45 anos. Os dois são suspeitos de terem participado de um roubo qualificado em 11 de agosto último.

O crime aconteceu em uma fazenda no município de Dueré do Tocantins, cidade localizada a 228km de Palmas. Quatro homens fortemente armados, renderam os funcionários da fazenda e roubaram armas de fogo, motor de poupa, aparelhos celulares e outros objetivos.

Durante a Operação, os Policiais Civis cumpriram dois mandados de prisão temporária contra os suspeitos, bem como dois mandados de busca e apreensão na residência dos mesmos.

De acordo com a delegada adjunta da 2ª DPC de Gurupi, Drª Eliane Machado Pereira dos Santos, responsável pelo inquérito, as investigações do caso indicaram a participação dos dois no assalto.

“A Polícia Civil continuará as investigações para comprovar ou descartar a participação dos suspeitos com o crime. Os trabalhos já duram mais de dois meses de forma ininterrupta. A ação foi representada por várias medidas judiciais,”, relatou Eliane.

Ainda de acordo com a delegada, a operação foi um sucesso. “Durante os trabalhos, tivemos apoio amplo e restrito do Gote, do Departamento de Inteligência da PC, da Diretoria do Interior, bem como do Dr. Reginaldo de Menezes, delegado Chefe da Polícia Civil”, concluiu Eliane.

A operação terminou no fim da manhã desta quarta-feira, 26, no município de Gurupi. Edivan, já tem passagem pela Polícia por furto e formação de quadrilha.

Os dois suspeitos do crime foram encaminhados para a Casa de Prisão provisória de Gurupi, onde ficarão à disposição da Justiça. (Assessoria de Imprensa Polícia Civil)