Turismo & Lazer

Foto: Arquivo Seagro

Um espaço destinado a laser, entretenimento, diversão e integração para os servidores públicos do setor do agronegócio está sendo revitalizado. A informação é do diretor financeiro do Agroclube – Clube Recreativo, Social e Cultural dos Servidores do Agronegócio, João de Deus Coelho Correia, que acompanhado da presidenta, Alaíne Patrícia Cavalcante da Silva se reuniram com a equipe de coordenadores, diretores e o secretário executivo da Secretaria da Agricultura, da Pecuária e do Desenvolvimento Agrário, Ruiter Pádua, para tratar da reativação da Associação.

Durante as discussões ficou definido que os coordenadores e diretores colaborarão com a diretoria do Agroclube no processo de reestruturação. O Clube é voltado para a integração entre os profissionais do setor agropecuário e o entretenimento desses e seus familiares. “A integração é fundamental para o desenvolvimento das nossas atividades. Aqui na Seagro, cada servidor fica na sua sala trabalhando e às vezes não conhece os colegas de sala, e o Clube propicia essa interação, além da diversão entre as famílias. O local está à disposição dos funcionários para visitas”, assegurou João de Deus.

Para o Secretário Executivo da Seagro, Ruiter Padua, a necessidade de reativar o clube é de suma importância para todos. O local será um espaço de lazer, onde os servidores poderão usufruir, para realizar reuniões, festas e confraternizações. “Por isso, gostaríamos que os servidores aderissem a essa ideia louvável”, argumentou, completando, que o Clube, assim que estiver estruturado, será um local de diversão para todos os filiados e seus dependentes.

Ruiter Padua falou ainda da importância de todos os servidores terem um local tranquilo para passear com sua família, levar seus filhos e passar um final de semana tranquilo. “Muitos servidores já são associados de algum clube dentro ou fora de Palmas, mas a ideia da revitalização do Clube é para todos, principalmente para aqueles que não têm uma opção de diversão e laser com sua família”, concluiu.

Filiação

O valor da contribuição mensal para quem deseja filiar-se varia de acordo com a progressão salarial. Para quem ganha até R$ 1.000,00 (mil reais) a contribuição será de 0,5% e 1% para quem recebe acima de R$ 1.000,00, já para os cargos de chefia e comissionados o desconto deverá ser de 1,5% da remuneração ou subsídio do funcionário.

Para o servidor que se filiar entre os meses de novembro e dezembro, o desconto da contribuição virá na folha de pagamento de janeiro, que será pago em fevereiro. Podem filiar-se ao Agroclube tanto os servidores efetivos quanto os contratados da Secretaria da Agricultura, Ruraltins, Adapec, Embrapa, Itertins e da Secretaria da Indústria, Comércio e Turismo. São considerados dependentes do título o cônjuge e os filhos menores de 21 anos.

Para filiar-se, os interessados devem procurar a presidenta do Clube, Alaine, no Departamento Financeiro da Seagro, ou ainda, o diretor financeiro do Agroclube, João de Deus.

A diretoria do Clube estará visitando os órgãos vinculados a Seagro e os que fazem parte do setor agropecuário, a partir desta quarta-feira, 30, para explicar as novas condições de funcionamento da Associação, levando as fichas de cadastro para os futuros associados.

Estrutura

O Agroclube está localizado nas proximidades do setor Santo Amaro, ao lado da Embrapa, na Região Norte de Palmas, em uma área de 4 hectares. O local conta com estrutura de cozinha, três piscinas, sendo duas infantis, banheiros, casa do caseiro e um bosque para churrasco. Está em construção um campo de futebol e uma quadra de areia. (Ascom Seagro)