Polí­tica

Foto: Koró Rocha

Em entrevista concedida durante a suspensão da sessão da manhã desta quinta-feira, 15, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Raimundo Moreira (PSDB), comentou sobre a instalação da TV Assembleia. De acordo com ele, todas as providências estão sendo tomadas junto à Câmara Federal para que a t entre no ar o mais rápido possível.

Moreira destacou que, mesmo com o orçamento de R$ 1,7 milhão para a instalação da TV, a contratação de pessoal, excede o valor e a alternativa levantada é uma possível terceirização dos serviços, através da contratação de uma produtora de vídeo. “Nosso problema é com a contratação de pessoal. Não temos condições de contratar esse quadro de pessoas”, completou.

Contudo, mesmo com a possiblidade de se terceirizar os trabalhos da TV AL, o presidente destacou que a medida não irá preudicar o andamento das transmissões que serão veiculadas no canal da Câmara Federal. “Essa questão não vai inviabilizar o projeto. Nós vamos buscar recursos para viabilizar a TV”, salientou.

A meta, de acordo com o presidente da Casa, é firmar parceria com o Legislativo federal para que as transmissões da Assembleia Legislativa cheguem às casas da população. “Isso é questão de direito das pessoas. É cidadania”, completou.