Polí­tica

Foto: Clayton Cristus Fabion Gomes acredita no apoio do governo Fabion Gomes acredita no apoio do governo

No município de Tocantinópolis, a 525 km de Palmas, o grupo de oposição ao atual prefeito Fabion Gomes (PR) se movimenta para a escolha de um só nome que possa disputar em outubro com o republicano. Os dois nomes mais cogitados é o do ex-prefeito Antenor Queiroz (PSB) e o vereador do PMDB, Mardônio Vila Nova.

O pré-candidato do PMDB afirmou ao Conexão Tocantins nesta quinta-feira, 29, que o grupo está unido e que defende uma só candidatura para fortalecer a disputa. “Estamos tentando fazer uma composição para sair só um nome”, afirmou Mardonio.

No grupo de oposição além de Mardônio são também pré-candidatos o professor Lamark do PT, Professor Cleber do PDT e ainda o vereador Márcio Kley do PP. Mardonio, que está no quarto mandato de vereador, ressalta, porém, que está tentando conquistar o apoio das outras legendas em busca de um consenso em torno de seu nome.

A oposição dá como certo que o atual prefeito Fabion vai tentar reeleição mas em entrevista ao Conexão Tocantins o gestor afirmou que ainda não tem a confirmação. “Estamos conversando com os companheiros, o meu grupo pede que eu me candidate de novo”, informou.

O gestor conta ainda que tem uma boa relação com o atual governo e que considera ter grandes chances de conseguir o apoio do governador Siqueira Campos (PSDB). Um dos interlocutores para esse apoio do governo é o irmão do prefeito, deputado José Bonifácio (PR) que chegou inclusive a ser líder do governo na Assembleia Legislativa.

Segundo membros do grupo da oposição Fabion estaria pretendendo tentar reeleição e continuar com o mesmo vice, Eurivaldo Gomes. Quando questionado como está a relação com o presidente do PR, senador João Ribeiro o prefeito frisou que tem o apoio do partido e que sempre teve um bom relacionamento com Ribeiro.