Polí­tica

Foto: Divulgação

Os pré-candidatos do grupo de oposição ao governo estadual pretendem se reunir no final desta semana para começar a afunilar as decisões em torno do nome que deverá ser lançado pelo grupo. Representantes dos partidos do grupo devem definir a data ainda hoje.

“Há essa intenção de reunir todos os pré-candidatos para fazer uma avaliação do cenário”, confirmou o pré-candidato do PMDB, deputado estadual Eli Borges ao Conexão Tocantins nesta segunda-feira, 9. O prazo estimado pelo prefeito de Palmas, Raul Filho (PT) para definição do nome era até o final de março.

“Vamos marcar uma data limite para estabelecermos os critérios de escolha”, frisou Eli Borges. O critério de escolha estabelecido é através das pesquisas qualitativas e quantitativas.

Segundo explicou Eli o prefeito Raul não está interferindo no processo de escolha. “O Raul não interfere, ele apenas está pronto para respaldar as decisões do grupo”, pontuou.

Além de Eli estão como pré-candidatos no grupo, a vice-prefeita Edna Agnolin (PDT), o deputado estadual Wanderlei Barbosa (PSB), o reitor da UFT, Alan Barbiero e ainda está incluída a deputada estadual Luana Ribeiro do PR. O PT ainda não definiu qual nome vai disputar a preferência do grupo.

Atualmente nas pesquisas o deputado Marcelo Lelis (PV) desponta com preferência mas para a oposição quando o candidato do grupo for definido a disputa terá mais competitividade.