Educação

A professora assistente do curso de Jornalismo, Cynthia Mara Miranda, da Universidade Federal do Tocantins (UFT) é uma das três selecionadas para representar os estudantes de pós-graduação do Brasil que desenvolvem pesquisas sobre o Canadá. O Seminário Interuniversitario de Estúdios Canadienses en América Latina (Seminecal) será realizado entre os dias 12 e 13 de abril, na Universidade de Havana em Cuba.

Para Cynthia, esta é uma oportunidade de levar o nome da instituição para um espaço onde é notada a presença de pesquisadores de diversos países que desenvolvem temáticas de estudos sobre o Canadá. Ela ressalta que “como pesquisadora, participar de eventos como esse propicia a ampliação de contatos acadêmicos para futuras pesquisas e parcerias que podem contribuir para a criação, no futuro, de um Núcleo de Estudos Canadenses na UFT. No Brasil contamos apenas com dez núcleos e a maioria está concentrada na região sul e sudeste. Precisamos expandir os estudos comparados entre Brasil e Canadá também na região norte”, finaliza.

A pesquisa da professora trata de uma comparação sobre a desigualdade de gênero no Brasil e Canadá. O trabalho é parte dos resultados da pesquisa de campo de sua tese de doutorado que será defendida no início do mês de maio no Centro de Pesquisa e Pós-Graduação sobre as Américas na Universidade de Brasília (UnB).

A Comissão Organizadora do evento que é composta pela Universidade de Havana (Cuba) e pela Universidade Autônoma Metropolitana (México) selecionaram 17 trabalhos de estudantes de mestrado e doutorado de vários países das Américas como Brasil, Argentina, Colômbia, Cuba e México. O Seminário que está em sua décima edição e conta com o apoio do Governo do Canadá, tem se consolidado como um importante espaço para a divulgação de pesquisas comparadas na América Latina envolvendo o Canadá.

A programação do evento é diversificada e distribuída em vários eixos temáticos como política exterior canadense, estudos comparados econômicos e sociais, migração, saúde, meio ambiente entre outros. Estarão presentes no evento o Embaixador do Canadá em Cuba Matheu Levin,o presidente do Conselho Internacional de Estudos Canadenses Patrick James e a vice-reitora da Universidade de Havana Cristina Diaz López.