Educação

Foto: Divulgação

A equipe da Escola Estadual Rui Barbosa, localizada em Babaçulândia, no norte do Estado, está apostando na dinamização das ações para despertar nos alunos o desejo da pesquisa e do conhecimento. Dentre as ações estão, a construção de uma ‘balcicleta’, de uma horta escolar, discussões sobre a sustentabilidade e arrecadação de alimentos para formação de cestas básicas para serem distribuídas às famílias cadastradas pela escola.

Estes projetos movimentaram toda a equipe escolar e os 480 alunos. A ‘balcicleta’ foi um projeto que surgiu durante as discussões sobre a sustentabilidade e teve como coordenador o professor de Matemática, Hugo Queiroz Parreira. O objetivo é aproveitar melhor o potencial do lago no Rio Tocantins, para lazer e estudos, daí, surgiu a ideia de fazer uma bicicleta aquática, com material reciclável. O projeto deu certo, a ‘balsicleta’ funcionou, agora os estudantes trabalham para aprimorar.

A gestora Grazielia Araújo Pitombeira explicou que os projetos de sustentabilidade alcançaram os objetivos de mobilização e de formar pessoas mais conscientes sobre o seu habitat. Outra iniciativa foi começar um processo de discussão sobre a redução do desperdício de água e energia elétrica. A economia de água e luz começou na própria escola.

Na horta escolar, os alunos plantaram produtos que serviram para serem inseridos na merenda escolar, como pimenta, quiabo, cebolinha, coentro e tomate. Com auxilio de professores, os alunos estudam sobre adubação e cultivo das hortaliças e temperos. (Ascom Seduc)