Polí­tica

Foto: Divulgação
 

A falta de uma delegacia de polícia para garantir segurança aos mais de 35 mil habitantes que residem no setor Jardim Aureny III, da capital foi uma das reivindicações dos moradores do bairro ao candidato a prefeito de Palmas, Carlos Amastha (PP). A reunião foi realizada na noite desta última quinta-feira, 23, e contou com a participação do deputado Estadual Wanderlei Barbosa (PEN), lideranças comunitárias e comunidade em geral.

Sobre a reivindicação feita pelos moradores, Amastha destacou que para a segurança da comunidade é necessário não apenas a instalação de uma unidade policial no setor, mas também equipes de vigilância noturna. “Vamos implantar unidades do Guarda Quarteirão em pontos estratégicos da Capital, trabalhando em conjunto e em sintonia com a Polícia Militar e Polícia Civil de forma que garanta uma segurança mais eficaz às nossas famílias”, frisou Amastha, ainda destacando a necessidade de ampliar a Guarda Metropolitana.

A senhora Celina Rocha é moradora do setor há mais de 15 anos e garante que devido a falta do policiamento adequado o local atrai a criminalidade e gera a sensação de insegurança. “Tenho três netos pequenos e quando escurece o único jeito é ficar dentro de casa pra evitar que alguma coisa possa acontecer, é uma preocupação, principalmente devido a quantidade de bares o que aumenta a movimentação, é uma preocupação”, destacou.

Taquaruçu

Ainda durante a noite, Amastha visitou o distrito de Taquaruçu e durante reunião conversou com os moradores e na oportunidade apresentou o seu Plano de Governo para população do Distrito. “Precisamos do novo, mudamos para o Lula e deu certo, agora estou com Amastha, pois é a nossa certeza de mudança”, frisou Carmina Lopes. (Assessoria de Imprensa)