Polí­tica

Foto: Divulgação

Os 35 Promotores eleitorais do Tocantins já estão atuando em regime de plantão e continuarão durante todo o processo eletivo, independente do feriado de sexta-feira, 5, e do fim de semana, atentos às práticas de uso indevido da máquina administrativa, ao abuso de poder econômico e, principalmente, à compra de votos. A intenção é resguardar a igualdade de condições entre todos os candidatos.

Além da atuação pró-ativa, os Promotores Eleitorais também podem ser provocados por denúncias.