Estado

Foto: Divulgação

Interpretando a Música “Coração de Estudante”, de cantor e compositor Milton Nascimento, o coral Estrelas formado por estudantes, provocou a reflexão dos presentes sobre a importância da valorização da vida durante o lançamento regional da Campanha “Conte Até 10. Paz. Esta é atitude”. O evento, ocorrido na manhã desta terça-feira, 27, na Escola Rachel de Queiroz, no Jardim Aureny III, em Palmas, marcou a adesão oficial do Tocantins à mobilização nacional que tem como objetivo combater os homicídios praticados por impulso, que ocorrem após desentendimentos banais ou aqueles precipitados que poderiam ser evitados por meio de uma reflexão.

De acordo com um levantamento realizado pela Estratégia Nacional de Segurança Pública (Enasp), estes crimes correspondem a uma média de 30% dos homicídios cometidos no Brasil, percentual que em alguns Estados chega a 80%. No Tocantins, além do engajamento de órgãos como os Ministérios Públicos Federal e Estadual e Defensoria Pública, ambos integrantes da Enasp, a campanha ganhou as parceiras de órgãos do governo do Estado. A assinatura do Termo de Cooperação Técnica com as Secretarias de Educação, Justiça e Direitos Humanos e Segurança Pública garantiu o fortalecimento de ações educativas para redução das mortes.

No lançamento, o Procurador-Geral de Justiça, Clenan Renaut de Melo Pereira, lamentou a violência desenfreada que se alastra no país, principalmente, entre os jovens. O PGJ conclamou a sociedade a abraçar a causa e contar até 10 antes de uma reação agressiva. “Só o coração deve falar mais alto que os nossos impulsos”, alertou. O gestor da Enasp e Procurador de Justiça Marco Antônio Alves Bezerra justificou a escolha dos esportistas de luta do UFC, Anderson Silva e Júnior Cigano, e do Judô, Leandro Guilheiro e Sarah Menezes, para estrelarem a campanha. Para ele, “essas modalidades esportivas são caracterizadas pelo esforço físico, mas ao mesmo tempo, dependem da capacidade de autocontrole e equilíbrio”.

O judoca tocantinense Fred Guerra foi o esportista escolhido para representar o Estado na campanha. Enquanto esportista de luta, deixou uma mensagem sobre a importância de conciliar força e mente. “As pessoas que fazem este esporte utilizam-se do corpo. De certa forma, essa pessoa anda armada”, pontuou.

Participaram do evento o Procurador da República do MPF, João Gabriel de Queiroz, o Secretário Estadual de Segurança Pública, João Fonseca Coelho, o Secretário de Justiça e Direitos Humanos, Nilomar dos Santos Farias, a Subsecretária da Educação, Leida Maria Elias de Menezes, as Defensoras Públicas Adriana Camilo e Maurina Jácome, o Superintendente de Polícia Comunitária, Jefferson Gadelha, além de outras autoridades, estudantes e professores da escola.

A programação contou ainda com a participação da companhia de dança Arte em Movimento, que mostrou desenvoltura ao apresentar um número de jazz e dança de salão.

Mapa da violência

De acordo com o Mapa da Violência 2012, divulgado pelo Ministério da Justiça, foram registrados 49.932 homicídios no Brasil em 2010. O número representa uma média de 26,2 assassinatos para cada grupo de cem mil habitantes, o que coloca o país entre os mais violentos do mundo. (Com informações da Assessoria do MPE)