Polí­tica

Foto: Divulgação

O cumprimento das emendas parlamentares, dentro de um cronograma pré-estabelecido, para que estas possam atender as demandas para as quais foram propostas, foi defendido pelo deputado Freire Junior. (PSDB) na sessão dessa quarta-feira, 6, da Assembleia Legislativa do Tocantins. “É necessário que as emendas sejam determinativas e não funcionem como moeda de troca entre o parlamento e o Poder Executivo”, defendeu.

Outra proposta do parlamentar foi para que os requerimentos apresentados pelos deputados e que tenham teor semelhante, sejam votados em sequência, prestando mais eficiência e demandando menos tempo para votação.

“É comum apresentarmos requerimentos com solicitações semelhantes, a exemplo de obras para melhorias de estradas, disponibilidade de ambulâncias, projetos de iluminação dentre outros para os municípios que representamos. Se estes requerimentos forem contemplados de forma sequenciada, além da eficiência no tempo de votação ainda será mais fácil a subscrição pelos interessados”, argumentou.

As demandas do deputado Freire Jr. receberam apoio de diversos parlamentares, a exemplo de Stalin Bucar, Osires Damaso, Eli Borges e José Roberto. O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Sandoval Cardoso, anunciou que a mesa diretora acataria a sugestão já a partir da próxima sessão. (Ascom)