Estado

Foto: Divulgação

 Cerca de 120 pessoas  procuram a Secretaria de Habitação de Gurupi, todos os dias para se informarem sobre o andamento dos processos de adequação dos cadastrados  realizados para obter o benefício da casa própria.

De acordo com o Secretario Carlos Barcellos, as obras de construção das moradias populares estão num estágio avançado e devem ser concluídas num prazo de  até 150 dias.

O secretário destacou ainda,  que posterior a entrega dessas casas  que ficam no Conjunto Habitacional João Lisboa da Cruz, na saída para Dueré e no Residencial Campo Belo, a Prefeitura de Gurupi providenciará a construção de mais  4.000  mil unidades habitacionais, em quatro bairros da cidade.

 “Nosso déficit habitacional ultrapassa a casa dos 8.000, mas com a construção  dessas novas  unidades habitacionais, orçada em R$ 250 mil,  esperamos, pelo menos, minimizar   de forma significativa  esse  problema”, afirmou o secretário.

 Sobre o programa

O programa habitacional popular, denominado Minha Casa, Minha Vida, foi criado pelo Governo Federal para ser colocado em prática em parceria com a Prefeitura Municipal de Gurupi, por meio da Secretaria Municipal de Habitação. O programa visa levar moradia digna para a população  por meio de concessão da casa própria com um baixo custo de pagamento, pelo um prazo de 10 anos, com valor abaixo de 10% do salário mínimo. Podem se habitar  nesse programa quem tem renda familiar mensal bruta de até R% 1,600,00. (Ascom)