Polí­tica

Impacto no trânsito, falta de estacionamentos e acessibilidade, impactos na economia na região compreendida entre a Rodoviária de Palmas até as proximidades do Espaço Cultural são algumas das considerações apresentadas pelo deputado Freire Jr. na manhã desta quinta-feira, 11, ao apresentar requerimento na Assembleia Legislativa solicitando que a Mesa Diretora encaminhe expediente ao prefeito Carlos Amastha para adiamento da transferência do Paço Municipal para a Avenida JK.

O requerimento do parlamentar foi subescrito pelo deputado Carlão da Saneatins e teve o pedido de urgência aprovado por unanimidade do plenário, que entendeu a importância do assunto. “O Paço Municipal, onde hoje está localizado, dá musculatura econômica àquela região, facilita o acesso de servidores e população, via eixão (Theotônio Segurado), está próximo à Câmara Municipal, do Fórum de Palmas, dentre outras sedes importantes para a administração municipal”, avaliou.

A nova sede prevista para a Prefeitura será nas antigas instalações do Banco do Brasil, na Avenida JK, onde atualmente já se enfrenta problemas de estacionamento. O aluguel do prédio é de R$ 80 mil, sem contar com despesas correntes, como energia, água, taxas condominiais, impostos e outros. “Uma das alegações do prefeito é que as novas instalações trarão economia para os cofres municipais, porém a atual sede é própria. Este é outro questionamento que gostaria que fosse esclarecido”, finalizou.