Turismo & Lazer

Foto: Divulgação

O presidente da Agência de Turismo de Palmas, Cristiano Rodrigues, participou, na manhã desta quarta-feira, 24, em São Paulo (SP), de reunião  com o presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (Abav), Antônio Azevedo, e membros da diretoria. A iniciativa objetivou discutir as potencialidades turísticas de Palmas, com foco no fortalecimento do setor e  melhoria da qualidade de atendimento para os turistas na capital.

Na ocasião, Rodrigues destacou que o crescimento do setor do turismo em Palmas. Segundo ele, o presidente da Abav demonstrou interesse em contribuir para o fortalecimento e o desenvolvimento do turismo na capital. “Estamos desenvolvendo projetos e trabalhamos diariamente para oferecer condições de infraestrutura e qualificação que atendam as expectativas dessa demanda, para que, assim, possamos gerar cada vez mais emprego e renda para a economia palmense", destacou o presidente da Agência de Turismo.

Abav

A Associação Brasileira de Agências de Viagens é formada por  agências de viagens espalhadas por todo o território nacional. Possui mais de três mil empresas associadas, responsáveis por 80% do movimento do mercado nacional – incluindo emissão de passagens aéreas, reservas de hospedagens, transporte turístico terrestre, locação de automóveis, operação de pacotes, cruzeiros marítimos, entre outros – conferem ampla capilaridade à oferta de produtos e serviços turísticos com impacto em 52 setores econômicos.

No setor da aviação comercial, por exemplo, mais de 80% dos bilhetes aéreos – incluindo voos domésticos e internacionais – são vendidos por agências de viagens. Os produtos turísticos, em grande parte, chegam ao consumidor por meio de milhares de lojas, que prestam atendimento presencial ou virtual a milhões de pessoas – físicas e jurídicas.

No Brasil, as agências de viagens mantêm cerca de 35 mil empregos diretos e mais de 100 mil empregos indiretos. Composta por um Conselho Nacional, que é eleito democraticamente e tem sede em São Paulo, a entidade de representação máxima do setor está presente em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal, com as 27 unidades que formam o Sistema Abav.