Palmas

Foto: Antônio Gonçalves

O pastor Manoel Albuquerque, representante da Associação Beneficente Mefibosete (Casa de Recuperação Leão de Judá), prestou contas da primeira doação de R$ 14.263,06, provenientes do primeiro salário líquido do prefeito Carlos Amastha, em fevereiro e, com isso, recebeu, na tarde desta última sexta-feira, 3, a segunda doação referente ao salário do prefeito no mês de abril. “Concluímos a edificação de 250m² do alojamento e sua cobertura na sede definitiva que abrigará cerca de 36 internos”, informou o pastor sobre aplicação dos recursos recebidos.

Até o momento, a entidade sem fins lucrativos funciona em uma chácara alugada e, de acordo com o pastor Albuquerque, a doação veio alavancar as obras da sede definitiva que já conta com 12 dos 28 internos atendidos. “O que iríamos fazer em um ano, fizemos em três meses, por isso só temos a agradecer a sensibilidade do prefeito Amastha, que desde antes de sua campanha eleitoral se propôs, enquanto cidadão, a colaborar com nossas ações”, concluiu.  

A entidade Leão de Judá atua no tratamento e recuperação de dependentes químicos do sexo masculino de 18 a 60 anos. Estas pessoas podem permanecer no local por um período de ano. Como a maior parte dos internos não tem condições financeiras para o tratamento, a manutenção da entidade se dá por meio da comercialização de vassouras de garrafas pets fabricadas pelos próprios internos, além de outros produtos.

Na ocasião, Amastha ressaltou que tem ouvido comentários positivos ao trabalho realizado pela Leão de Judá. “É uma honra colaborar para este belo trabalho que só recebe elogios. Espero participar da inauguração da sede definitiva em breve”, salientou o prefeito.

Além do alojamento, será concluído ainda um galpão de oficinas de 250m², onde funcionará a fábrica de vassouras; marcenaria; serralheria e fábrica de churrasqueiras pré-moldadas.” Já estamos contando com a próxima doação do prefeito para finalizar o acabamento do alojamento e agilizar a obra do galpão”, enfatizou o pastor.

Doação

Esta é a quarta vez que o prefeito Amastha doa seu salário. Com compromisso firmado em campanha, o gestor vem doando seus subsídios desde que assumiu o cargo. A primeira entidade beneficiada foi a Associação Beneficente Mefibosete (Casa de Recuperação Leão de Judá), seguida do Centro de Convivência dos Idosos e, posteriormente, a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae-TO).