Polí­tica

Foto: Divulgação Praça do Girassóis é a segunda maior do mundo e abriga os três poderes, secretarias e monumentos tendo o Palácio Araguaia ao centro Praça do Girassóis é a segunda maior do mundo e abriga os três poderes, secretarias e monumentos tendo o Palácio Araguaia ao centro

O grupo intitulado Tocantins Inteligente prepara uma nova mobilização na capital para a quinta-feira, 4. Trata-se de um “abraçaço”, como definem os organizadores, na Praça dos Girassois, que engloba os três poderes do Estado. A intenção é reunir mais de 2.800 pessoas para de mãos dadas simularem um abraço na Praça que abriga além do Palácio Araguaia, Tribunal de Justiça, Assembleia Legislativa, secretarias de Estado e monumentos. A Praça é a segunda maior do mundo.

“O abraço significa pacificidade e ao mesmo tempo um acompanhamento de perto, como alguém que diz: Estamos de olhos abertos”, informou o grupo que recomenda ainda aos manifestantes que levem uma vela para “tornar o momento mais bonito”.

Conforme os organizadores o evento deverá entrar para a história do Estado como o dia em que o povo envolveu a Praça em seus braços. 

A intenção é ainda entregar uma carta de reivindicações para o governador Siqueira Campos e para o presidente da Assembleia legislativa, Sandoval Cardoso. Do governo eles pedem não a terceirização da saúde, o cumprimento dos 2.400 km de asfaltamento e do programa médico na porta, Não ao programa Tocantins legal e ainda a publicidade dos contratos da secretaria de cultura e secretarias em geral.

Já da Assembleia os pedidos são:  fim do auxílio moradia, fim do voto secreto parlamentar,  redução da verba de gabinete, redução da emenda parlamentar,  não ao auxílio saúde e também não ao Programa  Tocantins legal.

O ato simbólico é a terceira manifestação em duas semanas realizada em Palmas e tendo como foco várias cobranças  para o governo estadual e também poder legislativo.