Saúde

Foto: Divulgação

Os pais ou responsáveis ganharam mais tempo para levar os filhos, com idades entre seis meses a cinco anos, aos postos de vacinação de Colinas do Tocantins e protegê-los contra a paralisia infantil. A campanha que terminaria na última sexta-feira, 28, foi prorrogada até o dia 5 de julho.

Segundo balanço apresentado pela Diretoria de Atenção Básica da Secretaria Municipal de Saúde, a média de cobertura vacinal de Colinas do Tocantins até sexta-feira era de 88,93% da meta, que é vacinar 2.584 crianças.

Para as crianças que ainda não foram vacinadas, os pais podem recorrer às Unidades Básicas de Saúde (UBS), onde a imunização está sendo feita, das 7h às 11h e das 13h às 17h.

O balanço atualizado aponta que nas crianças de 06 meses até um ano, já foram aplicadas 299 doses (93,73% da meta). Entre a população alvo, o menor índice foi registrado nas crianças de um ano de idade com 75,35 % (480 doses).  A cobertura em crianças de dois anos chegou a 93,41% (482 doses aplicadas). Nas crianças com três anos o índice ficou em 91,34% (506 doses) e foram aplicadas 531 doses em crianças menores de cinco anos (95,16 % da meta).

A Secretaria Municipal de Saúde orienta as pessoas que ainda não levaram seus filhos para se imunizaram contra a paralisia infantil a procurarem a Unidade de Saúde mais próxima de sua residência até o dia 05 de julho, uma vez que, o objetivo da campanha é ajudar a manter o Brasil livre da poliomielite.