Polí­tica

Foto: Divulgação

O deputado estadual Freire Junior consultou a presidência da Casa de Leis durante a sessão desta terça-feira, 27, sobre quais procedimentos são necessários para que fosse retirado de pauta o projeto de lei do deputado Jorge Frederico (PSD) que concede o Título de Cidadão Tocantinense a Nelson Torezani que atualmente é subsecretário de Relações Institucionais do Estado na pasta comandada por Eduardo Siqueira. O projeto já foi aprovado nas Comissões.

 Em entrevista ao Conexão Tocantins o deputado Freire explicou que pretende votar contra o projeto e questionou qual o critério para conceder título ao subsecretário de Eduardo. “Acho que o título de cidadão tem que ter alguns critérios e algumas exigências mínimas. Ele nem mora no Estado”, disse.  “O que Nelson já fez por esse Estado? Qual é o conhecimento público que esse moço tem para receber uma honraria dessa?”, disse reafirmando que votará contra.

 O pedido de Freire gerou alguns questionamentos por parte de alguns deputados. “A retirada de pauta da sua matéria seria uma falta de respeito, uma deselegância com o deputado e com a pessoa homenageada. Acho que pode gerar um conflito desnecessário com um colega que hoje não tem mais voz nessa Casa”, disse a deputada do PT, Amália Santana.

 O deputado Amélio Cayres (PR) frisou que é uma falta de respeito pedir a retirada do projeto. “ É inadmissível essa postura aqui nessa Casa”, frisou.Stalin Bucar, que chamou Nelson de articulador, também se posicionou contra o pedido de Freire Junior.

 Em junho deste ano o deputado Freire afirmou que o subsecretário Nelson Torezani teria levado um recado a ele de que o governo não iria liberar suas emendas parlamentares. Para o tucano, o recado de Torzani seria uma “represália” do governo em razão de seus últimos posicionamentos na Casa de Leis contra a atual gestão.