Cultura

Foto: Divulgação Demonstração de técnica de dança com impulso do corpo de João Vicente Demonstração de técnica de dança com impulso do corpo de João Vicente

A Lamira Companhia de Artes Cênicas receberá R$ 100 mil da Fundação Nacional das Artes (Funarte) para realizar a turnê dos espetáculos “Do Repente” e “Gibi” por cidades que ainda não assistiram apresentações de peças do Grupo. O recurso é resultado do Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz 2013, divulgado nesta terça-feira, 3.

Ao todo serão 10 apresentações previstas para acontecer em 2014. O recurso também bancará atividades de formação voltadas para o elenco da Lamira, com profissionais de renome nacional do teatro e da dança.

O grupo é formado pelo coreógrafo João Vicente, que já dançou no Grupo Corpo/MG e na Quasar/GO, pela produtora executiva Carolina Galgane e pelas intérpretes Josely Rocha e Renata Oliveira. Contam com quatro espetáculos (Do Repente, Fela da Gaita, Gibi e Adorno da Realidade) no seu repertório e já circularam por mais de 15 estados brasileiros.

Recentemente o grupo participou de festivais em Natal, João Pessoa e Campina Grande e fez apresentações em todos os estados da Amazônia Legal, pelo projeto SESC Amazônia das Artes. Atualmente é o único representante do Tocantins no Programa Rumos Dança 2012-2014, do Itaú Cultural, como pesquisador da cadeira de Dança para Crianças.