Palmas

Foto: Divulgação

Foi assinado nesta sexta-feira, 06, o contrato entre a Prefeitura de Palmas e a Foz|Saneatins referente à exploração dos serviços de fornecimento de água e esgoto autorizando a concessionária a  pegar o empréstimo de R0 milhões  na Caixa Econômica Federal para investimentos na Capital. Na ocasião, o prefeito Carlos Amastha destacou que a assinatura só foi possível, após total regularização do contrato e do cumprimento das exigências feitas pela gestão. 

 O gestor municipal ressaltou a importância da segurança jurídica e defendeu que a legalidade é a garantia dos benefícios para a população. “Os palmenses que são os verdadeiros donos. A Prefeitura tem por obrigação garantir que  serviços e melhorias sejam realmente realizados e não vou assinar nada que seja contrário a isso”, afirmou Amastha. 

 Ficou acordado que os bairros da região Sul como Taquaralto, Jardim Aureny IV, Santa Fé, Maria Rosa, Morada do Sol e Taquari terão prioridade nos investimentos com foco na rede de esgoto. O prazo é que os serviços nessa região sejam concluídos  até o fim de 2014. “É válido lembrar que não vamos deixar o plano diretor, mas levar esgoto onde ainda não tem. A população mais carente é quem mais sofre com a falta desses serviços”, pontuou.

 Ainda está previsto que até 2016 seja construídas no plano diretor três novas estações de tratamento de esgoto, 23 km de troncos coletores de esgotos, novas adutoras de água, captação de água do lago com novas estações de tratamento, serviços de coleta de esgoto nas quadras 207 Sul, 305 Sul, 1304 Sul, 1106 Sul, 1303 Sul, 307 Sul, 309 Sul, 912 Sul, 1003 Sul, 1203 Sul e 1004 Sul.

 Também será criado o Conselho gestor com três membros que vai acompanhar e fiscalizar os serviços e todos os investimentos da FOZ|Saneatins. O Conselho será composto por dois técnicos indicados pela Prefeitura e um pela empresa. “Quem dá a concessão é a Prefeitura, por isso a preocupação em saber como, onde e quando está sendo investido”, destacou.

 Ainda no contrato ficou acordado que a FOZ|Saneatins desenvolverá programas de educação ambiental e revitalização de áreas nos locais das obras segundo explicou o presidente da concessionária Mário Amaro. “A urbanização será feita como compensação social nos bairros que a empresa executar alguma obra. Serão investidos 8% do valor da obra após o Conselho gestor avaliar qual a necessidade do bairro, seja ciclovia, jardins, academias ao ar-livre, calçadas e praças”, enfatizou.

 Presentes  

Estiveram presentes ao evento o deputado federal Cesar Halum, secretários municipais, vereadores e representantes de associações de moradores. Para Adriano Pereira, presidente da Associação de Moradores do Setor Maria Rosa, o momento concretiza o sonho de 20 anos. “O esgoto vai nos garantir uma qualidade de vida melhor e mais digna. Esta era uma luta de 20 anos”, comemorou Pereira. (Secom Palmas)