Polí­tica

Foto: Divulgação

A paralisação das obras da TO-126, que liga os municípios de Maurilândia e Itaguatins gerou debates na sessão da Assembleia Legislativa do Tocantins durante a sessão desta terça-feira, 29. O debate foi provocado pelo deputado Marcelo Lelis (PV), que usou a Tribuna da Casa para cobrar do Governo do Estado a execução das obras, iniciadas em 2005 e não concluídas até o momento.

Lelis informou que durante a primeira edição do projeto “PV na Estrada” ocorrida na região do Bico do Papagaio, ele detectou as dificuldades dos moradores devido a paralisação das obras. “Após a visita, apresentamos um Requerimento solicitando informações sobre as obras e na primeira edição do Parlamento Popular realizado em Araguatins, o presidente a Agetrans prometeu que as obras seriam iniciadas no mês de agosto, como a promessa não foi cumprida, apresentamos um novo requerimento pedindo o cumprimento do prazo, mas até o momento, não tivemos resposta”, declarou.

Novo prazo

Na manhã desta terça-feira, Lelis apresentou outro requerimento solicitando a Agetrans que estabeleça um novo prazo para o reinício das obras. “Conversamos com líderes da região e a informação que temos é que as obras não foram retomadas, por isso estou apresentando outro requerimento solicitando um novo prazo para o início das obras que a população desses municípios tanto precisam”, disse.

Subscrição

    Subscreveram o requerimento de Lelis, os deputados Manoel Queiroz (PPS), Josi Nunes (PMDB) e Sargento Aragão (PROS).