Saúde

Nesta segunda-feira, 25, é comemorado em todo o Brasil o Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue e no Tocantins as cinco unidades da Hemorrede vão homenagear essas pessoas que ajudam a restabelecer a saúde e até mesmo a salvar a vida de muitas pessoas nos hospitais do Estado.

As comemorações começaram na última sexta-feira, 22, na cidade de Augustinópolis. Lá os doadores irão participar de um almoço especial que será realizado no Clube da Maçonaria, a partir das 9h.

Em Palmas, a festa vai acontecer no sábado, 23, das 8h ao meio dia. Haverá café da manhã, sorteio de brindes, apresentações musicais e de dança com Grupo de Hip Hop da Associação Jesus de Nazaré. Além disso, pessoas que precisaram de sangue farão depoimentos agradecendo o gesto de solidariedade dos doadores.

Em Gurupi e Porto Nacional haverá café da manhã na segunda-feira, 25, a partir das 8h. E em Araguaína a comemoração será durante toda a semana, de 25 a 29, com lanche especial de manhã e a tarde.

Em todas as unidades serão distribuídas camisetas alusivas a data. Segundo a coordenadora de gestão da Hemorrede, Pollyana Gomes, são coletadas no Estado cerca de 20 mil bolsas por ano, o que corresponde a 1,4% da população do Tocantins. Ela explica ainda que o sangue coletado nos hemocentros atende todos os hospitais tocantinenses, tanto os públicos, quanto os privados. “Em 2012 foi realizada uma média de 26 mil transfusões, lembrando que a bolsa doada por um doador pode produzir até quatro hemocomponentes, são eles os concentrados de hemácias, de plasma, plaquetas e crioprecipitados”, exemplifica.

Ainda segundo a coordenadora, a capacidade dos hemocentros distribuídos no Estado é para coletar 150 bolsas de sangue por dia, porém só têm conseguido 102 doações. “Se conseguíssemos chegar ao total de 150 doadores por dia não trabalharíamos com oferta baixa, ou seja, não faltariam bolsas de sangue”, enfatizou. Pollyana ressalta que não há substituto para o sangue, por isso é importante  termos os diversos tipos sanguíneos para atender pacientes com diferentes necessidades.

Quem Pode Doar

Pessoas com idade entre 16 e 69 anos, que pesem acima de 50 kg e estejam em bom estado de saúde. No caso da doação de sangue por adolescentes de 16 a 17, só são aceitos candidatos que tenham o consentimento formal do responsável legal.
Além disso, os interessados devem apresentar documento com foto emitido por órgão oficial e válido em todo território nacional. Para o dia da doação o candidato  são pode estar em jejum, deve ter repousado por pelo menos seis horas na noite anterior, não pode ter ingerido bebida alcoólica nas 12 horas anteriores e evitar fumar por duas horas antes da coleta.

Onde doar

O Tocantins conta um Hemocentro Coordenador, localizado em Palmas; um Hemocentro Regional, em Araguaína; um Núcleo de Hemoterapia. em Gurupi; e uma Unidade Móvel. Além de três unidades de coletas e transfusão, sendo uma no Hospital Geral de Palmas, outra em Porto Nacional e a terceira em Augustinópolis. O horário de funcionamento é de 7 às 19 horas.

Canal com o doador

Para mais informações acesse o site da Hemorrede: www.saude.to.gov.br/hemoto ou ligue para 0800 642 8822.