Estado

Foto: Divulgação

A Secretaria da Agricultura e Pecuária (Seagro) recebeu nesta sexta-feira, dia 10, a visita de empresários portugueses interessados na elaboração de um projeto para o frigorífico de ovinocaprinos do Estado. O secretário executivo da agricultura e pecuária, Ruiter Padua, conversou com os empresários do Grupo IVV Automação, formados pelo engenheiro topógrafo João Santos e pelo representante da empresa no Tocantins, Nildo de Castro. Também participou da reunião o empresário Manuel Santos, da Move Incorporadora.

Durante o encontro, Padua apresentou o esquema de infraestrutura disponível no Estado, além de abordar questões como disponibilidade de mão de obra e matéria prima disponível no Tocantins. “A indústria que se instalar hoje no Estado, além de poder vender para nossa população, que é de 1.400.000 habitantes, pode chegar a atingir um público de mais de cinco milhões de consumidores, se pensarmos num raio de 600 km”, disse o secretário executivo.

Para o representante da Move Incorporadora, este fator aliado à disponibilidade de matéria-prima e mão de obra é um grande atrativo para as empresas. “Outro objetivo desta visita é analisar a viabilidade da construção de uma fábrica de calçados na região Sul do Estado, que conta com produção de couro de qualidade”, disse.

Ao final do encontro ficou acertada uma nova reunião para a próxima segunda-feira, dia 13, onde será apresentado o esboço do projeto do frigorífico para os representantes da prefeitura de Barrolândia, município onde será construído o frigorífico. A autorização para a construção do frigorífico foi assinada em maio de 2013 pelo governador Siqueira Campos, visando estimular o crescimento da atividade no Estado

Dados

No último ano o rebanho de ovinos do Tocantins foi de 134.056 cabeças de ovinos, enquanto em 2010 o número era de 108.062, o que mostra um aumento de 24%. (Ascom/Seagro)