Estado

Vítimas de um acidente aéreo neste domingo, 9, os corpos do ex-prefeito de Ponte Alta, Cleiton Maia, 51, do filho, Cleyton Maia Barros Filho, o Cleytinho Maia e Luis Augusto Aragão Feitosa, 23 anos, serão velados nesta segunda-feira, 10, em Porto Nacional, cidade natal de Maia. O sepultamento será às 17 horas. O avião caiu por volta das 10 horas da manhã deste domingo, 9,  numa chácara próxima de Taquaralto.

Técnicos do Centro de Investigação de Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) vão investigar as causas do acidente segundo informou o órgão. A principal suspeita é que o avião estava sem combustível o que deve ter causado uma pane seca.

As vítimas estavam no monomotor Cessna 210, prefixo PT-OMX, registrada em nome do filho de Maia e também pilotada por ele. O avião estava com a Inspeção Anual de Manutenção (IAM) vencida e por isso o Certificado de Aeronavegabilidade (CA) estava suspenso.

As vítimas estavam indo para a festa de aniversário do ex-prefeito de Pedro Afonso, Tom Belarmino e ira pegar mais passageiros que aguardavam no aeroporto de Palmas, dentre eles o ex-secretário de Palmas, Adjair de Lima.

O avião só foi encontrado num local de difícil acesso na noite deste último domingo e o helicóptero da Secretaria Estadual de Segurança Pública chegou a sobrevoar a área em busca do aparelho. O destroços do avião foram encontrados por um vaqueiro. Há informações de que gritos de socorro chegaram a ser ouvidos mas todos os passageiros foram encontrados sem vida.

A Infraero informou ao Conexão Tocantins que o plano de voo não foi informado ao Aeroporto de Palmas e por isso não tem nenhuma informação sobre o acidente.  “A aeronave se deslocou de um aeroporto que não era da Infraero e não fez contato”, afirmou o órgão.