Polí­tica

Foto: Divulgação Ministra Luciana Lóssio, relatora do processo Ministra Luciana Lóssio, relatora do processo

Governistas e oposição estão na expectativa para o julgamento do Um Recurso Ordinário (RO) movido pelo ex-governador Carlos Henrique Gaguim (PMDB) contra o governador Siqueira Campos (PSDB). Gaguim recorreu da decisão do Tribunal Regional Eleitoral que absolveu Siqueira, o vice João Oliveira e o ex-secretário de Relações Institucionais, Eduardo Siqueira Campos na Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije).


Siqueira é acusado de abuso de poder econômico e uso indevido de meio de comunicação social no pleito de 2010 quando foi eleito para o quarto mandato. A ministra Luciana Lóssio é a relatora da Ação.

O governador é defendido no caso pelo advogado José Rollemberg Leite Neto que já chegou a dizer ao Conexão Tocantins que não há nenhuma prova que comprove as acusações contra o governador.

O autor da ação, ex-governador Carlos Gaguim está em Brasília para acompanhar o julgamento. “Aí no TRE foi 4 a dois mas espero que o julgamento no TSE seja justo porque teve claramente o abuso de poder e isso influenciou diretamente na minha eleição”, disse. Gaguim disse ainda que há quatro anos vem lutando sozinho para que esse processo fosse julgado com a esperança de assumir o Governo. “Isso deveria ter sido julgado há três anos e o povo foi quem perdeu com isso porque eu poderia ter assumido o governo e evitar esse desastre que está aí”, disse.