Cursos & Concursos

A Comissão dos Aprovados do Concurso do Quadro Geral do Tocantins realizou pesquisas e elaborou relatório com o objetivo de apresentar a situação efetiva do Concurso do Quadro Geral do Estado, realizado em 2012, indicando a quantidade de aprovados que ainda não foram nomeados e o quantitativo de vacância dos cargos anteriormente providos por este certame.

Em pesquisa da Comissão foi constatado que 945 nomeados no concurso não tomaram posse dos cargos ou pediram exoneração. Palmas é a campeã de vacância com 589, Araguaína com 59 e Gurupi 34. Segundo pesquisa a quantidade de aprovados a convocar de acordo com a classificação obtida no certame e quantitativo de vacância dos que não empossaram ou solicitaram exoneração, compreende que ainda há 340 vagas imediatas e 187 cargos para Portadores de Necessidades Especiais (PNE)

Ainda segundo pesquisa a necessidade de provimento dos 945 cargos para cadastro de reserva, pois as vacâncias ocorreram durante o ano de 2013 e até o momento não houve novas convocações. "Anda há 340 classificados em vaga imediata que aguardam a convocação enquanto foram dilatadas 74 vagas no cadastro de reserva, nomeação excedente ao limite previsto no edital. Outro fato é a circunstancia do Governo do Estado ter convocado 688 cadastro de reserva em preterição aos cargos de vaga imediata com lotação prevista nos municípios do interior", adicional em parecer técnico.

A pesquisa foi realizada pela Comissão devido à falta de informações concretas e transparência de dados do Governo do Estado com os aprovados, sendo necessário elaborar um parecer. Relatórios e parecer técnico foram elaborados com base documental, a exemplos, Relatório de Vacância dos Nomeados, Consulta no Portal Transparência do Estado, dados atualizados em janeiro/2014, contagem de todos os nomeados que não estão com cadastro inativo no Portal Transparência, o que comprova que não tomou posse ou solicitou exoneração, entre outros.

Secad

A Secretaria Estadual da Administração informou ao Conexão Tocantins que todos os aprovados dentro do número de vagas imediatas foram nomeados e que o concurso do Quadro Geral ainda tem validade de dois anos podendo ser prorrogados por mais dois.