Estado

Foto: Divulgação

A segunda licitação de lotes comerciais por meio da TerraPalmas – Companhia Imobiliária do Estado do Tocantins – realizada no dia 28 de março foi um sucesso. A homologação contendo a classificação final da concorrência pública foi publicada no Diário Oficial Nº 4.119, desta segunda-feira, dia 05 de maio. Dos 87 imóveis colocados à venda, 53 foram vendidos, um percentual de venda de 61% dos lotes ofertados. Todos os imóveis colocados à venda na quadra ACSO 91 e na T-13 do Jardim Taquari foram vendidos nesta licitação.  Ao todo serão arrecadados ao longo dos 120 meses cerca de R$ 8 milhões resultantes desta licitação.

O maior valor ofertado foi por um imóvel na quadra ACSVSO 31 ao preço de R$ 356.000,00 e o de menor valor foi vendido ao preço mínimo exigido pelo edital de R$ 56.620,00 no Jardim Taquari T-13. Dos 53 imóveis comercializados quatro foram à vista e os demais a prazo, conforme critérios constantes no Edital 001/2014.

Para o presidente da TerraPalmas, Gláucio Barbosa Silva, a empresa está consolidando a metodologia adotada, com destaque para a licitude, a transparência e a credibilidade implantada na primeira licitação realizada ano passado. “Os resultados só não foram melhores porque não dispúnhamos de muitos lotes para a venda”, declarou. Ele ressaltou também que a parceria com o CRESCI – Conselho Regional de Corretores de Imóveis foi salutar e satisfatória tanto para a TerraPalmas quanto para os corretores.

De acordo com o presidente da COPLI – Comissão Permanente de Licitação de Imóveis – Valter José de Faria Júnior, com a participação dos corretores no processo licitatório representando os licitantes praticamente inexistiu problemas na apresentação da documentação. “A documentação estava mais organizada e completa, não havendo tantos problemas como na primeira concorrência, quando houve até desclassificação por este motivo”, disse.

A previsão é de que após o período eleitoral, talvez início do próximo ano, seja realizada nova licitação contendo novos lotes, bem como os remanescentes desta concorrência. “Estamos conscientes de que esta é a metodologia correta, porém a COPLI vai propor alguns ajustes em alguns tópicos dos próximos editais e em algumas fazes do processo licitatório para melhorar ainda mais nosso desempenho”, finalizou Valter Júnior.

Assinatura do Contrato

Os vencedores devem procurar a Diretoria Imobiliária e Comercial, localizada no térreo do Edifício Sede da TerraPalmas (Esplanada das Secretarias, na Praça dos Girassóis) para as seguintes providências: retirar o boleto para pagamento à vista ou equivalente à entrada inicial e efetuar o recolhimento do preço ajustado, conforme descrito no Edital; além de assinar o Contrato de Compromisso de Compra e Venda.

O não atendimento às citadas exigências, dentro dos prazos já estipulados importará no cancelamento do negócio conforme o edital. (Ascom Terra Palmas)