Campo

Foto: Divulgação

Uma reunião ocorrida na tarde da última sexta-feira, 20 de junho, na Secretaria Estadual de Educação, entre a equipe de Educação Sanitária da Agência de Defesa Agropecuária do Tocantins – Adapec e a Coordenação de Educação Indígena e Diversidade, debateram a implantação do projeto “Adapec nas Escolas.”

Segundo a diretora de Educação, Defesa, Inspeção e Sanidade Animal da Adapec, Leila Pessoa o objetivo deste projeto é promover a educação sanitária, por meio da sanidade, inocuidade e qualidade dos produtos agropecuários e seus derivados de origem animal e vegetal, utilizando diversas técnicas e recursos pedagógicos de aprendizagem nas Escolas do Campo.

Durante a reunião ficou definido que o projeto será implantado a partir do segundo semestre em duas Escolas de Campo – Escola Estadual Beira Rio, no município de Porto Nacional e Escola Estadual Entre Rios, localizada no município de Palmas. Foi ainda acertada a elaboração de um termo de cooperação técnica entre os Órgãos e a inclusão no projeto, da Diretoria Regional de Ensino de Palmas e das escolas envolvidas.

A pedagoga da Adapec, Aline dos Reis Silva apresentou a proposta do projeto destacando a importância da educação sanitária nas Escolas de Campo como forma de proporcionar aos educandos o conhecimento sobre questões relevantes como, por exemplo, defesa e sanidade avícola, entre outros programas desenvolvidos pela Agência na área animal e vegetal que estão diretamente ligados ao cotidiano dos alunos.

A coordenadora de Educação Indígena e Diversidade, Taniaely Marinho Lustosa, ressaltou que este projeto será implantado a princípio, nestas duas escolas, porém, o objetivo é alcançar as 44 Escolas do Campo e as 29 comunidades quilombolas.

Participaram da reunião, a coordenadora de Educação Indígena e Diversidade, Taniaely Marinho Lustosa, a representante da Educação Afro-brasileira e Quilombola da Seduc, Iolanda Felipe de Oliveira, dois representantes do projeto das Escolas do Campo, Manoel Messias Antonio de Lima e Lorena Santos da Silva, duas representantes da Adapec, Aline dos Reis Silva e Ana Paula Angélica de Sá. Este projeto de educação sanitária é desenvolvido em apenas quatro Estados: Tocantins, Minas Gerais, São Paulo e Bahia.  (Ascom Adapec)