Estado

Foto: Divulgação

Em visita ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte – Dnit, em Palmas na tarde da última sexta-feira, dia 11, membros do Movimento Pró-BR-010 ouviram do Superintendente Eduardo Suassuna que a obra da BR-010 entre Aparecida do Rio Negro e Rio Sono pode ser retomada no próximo ano. Suassuna disse que é prioridade retomar o asfaltamento entre Aparecida e Goiatins como cobra o movimento. “Enquanto isso não for possível, o objetivo é asfaltar ao menos a interligação dos dois pontos pavimentados entre Aparecida e Rio Sono”, defendeu Suassuna. “Caso o serviço seja feito o acesso melhora significativamente na região”, reconheceu os representantes do Pró-BR-010.

No momento do encontro o superintendente conversou por telefone com o secretário de gestão de programa de transportes do Ministério dos Transportes em Brasília, Péricles Bezerra que garantiu que a proposta está sendo viabilizada. Ainda de acordo com Suassuna após as providências do Ministério dos Transportes a solicitação irá para o Ministério do Planejamento e Casa Civil. Caso seja aceita, a proposta deverá ser incluída no Orçamento da União de 2015 e no PAC para depois serem autorizado os serviços.

Os componentes do movimento ainda ficaram sabendo que o Dnit está trabalhando com manutenção em vários lotes da federal no Tocantins, como de Paranã ao povoado Príncipe, entre Santa Maria e Itacajá e também de Aparecida a Rio Sono. Eduardo se comprometeu em avaliar a solicitação de alargamento da pista na ladeira da localidade Aldeia e a mudança de local da ladeira da fazenda Ocidente, pontos da estrada em Rio Sono com tráfego difícil.