Polí­tica

Foto: Divulgação

O prefeito de Colinas do Tocantins e coordenador da campanha da presidente Dilma Rousseff no Estado, José Santana Neto comentou em entrevista ao Conexão Tocantins sobre o Manifesto de alguns prefeitos em favor da candidatura do presidenciável Aécio Neves. “Não vou me manifestar sobre movimentações do Aécio mas a presidente Dilma todos os anos se organiza para receber prefeitos, fazem mesas para discutir as demandas  dos municípios e vários assuntos”, disse.

Segundo o prefeito, o ex-presidente Lula e Dilma inauguraram um novo momento republicano com os prefeitos. “Nos governos do PSDB a lembrança maior e mais constante que tenho do governo na relação republicana com os municípios é da polícia que foi chamada para dispersar o encontro do movimento de prefeitos, agrediu fisicamente alguns gestores e inclusive o Senador Suplicy foi agredido por cachorros”, disse.

O coordenador argumentou ainda que a presidente criou o 13º FPM  e alem disso todos os municípios receberam máquinas e equipamentos que as pequenas cidades não tem condição de comprar. “Além das negociações permanentes como na área de previdência, Saúde e Educação. A presidente Dilma fez algo principal para as prefeituras que foi investir nas políticas de assistência básica e sendo assim tirou o pedinte da porta das prefeituras”, citou.

Santana disse ainda que o governo do PSDB não deixou saudade para os prefeitos. Com relação aos apoios para Aécio no Tocantins por parte dos adversários do governador eleito Marcelo Miranda (PMDB) Santana resumiu: “ Depois que perderam nas urnas à oposição resta eleger Aécio para fazer um governo paralelo e inviabilizar o governo de Marcelo”, disse.

Segundo Santana o governador eleito está ligando para todos os prefeitos e pedindo para apoiar a presidente Dilma.