Cultura

Foto: Lucas Nascimento

O teatro de bolso do Memorial Coluna Prestes, em Palmas, está com a agenda movimentada após a conclusão das obras de reforma e melhorias. Nesta semana, a programação para o público de todas as idades começa nesta quinta-feira, 23 e segue até sábado, 25.

A coordenadora do Memorial, Waltineth Neves, destacou que após as melhorias realizadas no Memorial, o espaço ganhou em comodidade e conforto aos artistas e público. A proposta, conforme a coordenadora, é manter o espaço aberto para que as diversas manifestações culturais do Estado sejam valorizadas.

“O espaço tem a proposta de abrigar esses espetáculos musicais, teatrais de grupos profissionais e é também um espaço aberto para nossas escolas apresentarem suas produções, o que estimula e valoriza o trabalho artístico dos alunos das escolas do Tocantins. É uma oportunidade para que os estudantes e professores se sintam parte do processo de construção cultural do estado”, destacou.

Segundo a agenda do espaço, a programação inicia já nesta quinta-feira, 23, e seguirá até sábado, com apresentações de música, dança e teatro.

Na quinta-feira, 23, o memorial será palco para as apresentações de duas escolas da rede estadual, de Palmas, a partir das 16h. A Escola Estadual Duque de Caxias realiza um espetáculo circense. Já o Colégio Girassol de Tempo Integral Augusto dos Anjos exibe as coreografias de Carimbó e Hip Hop dos grupos de dança formado pelos estudantes da escola.

Já sexta-feira, 24, e sábado, 25, a programação fica por conta do grupo de teatro Chama Viva com a peça “A Lei e o Rei”, uma lendária fábula divertida, que conta a disputa do trono e da coroa entre dois reis.

A estreia acontece às 16h e é direcionada a estudantes das escolas da rede estadual de ensino, com entrada gratuita. Para as demais sessões, marcadas para as 19h30 e 20h30, nos dois dias, o ingresso da peça custa R$ 20,00 mais 1kg de alimento não perecível, que será doado para a Liga Feminina de Prevenção e Combate ao Câncer de Palmas.     

Memorial

O Memorial foi projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer e é uma homenagem ao movimento tenentista de 1922 e à marcha realizada pela Coluna Prestes. Com o objetivo de oferecer aos visitantes e artistas um espaço mais confortável e com melhores condições para a realização de espetáculos, recentemente, o Memorial passou por reparos na parte elétrica da estrutura, assim como melhorias no sistema de climatização, sonorização, iluminação, além da pintura interna e externa. (Ascom Seduc)