Palmas

Foto: Valério Zelaya

Na manhã desta segunda-feira, 05, durante blitz na TO-050, agentes de trânsito e transporte, juntamente com policias militares e guardas metropolitanos, abordaram motoristas para orientá-los quanto às novas especificações do uso de extintores de incêndio automotivos que já estão em vigor desde o dia 1º de janeiro. 

Na oportunidade, os agentes orientaram os condutores a utilizarem o extintor ABC no lugar do antigo BC, e a para retirarem o plástico que envolve os equipamentos, uma vez que é uma infração grave, assim como transitar com extintor com defeito e despressurizado. 

O superintendente de Trânsito, Alexandre Guerreiro, explica a função de cada letra do extintor ABC. “O A combate chamas em madeira e papel, o B combate incêndio provocado por líquidos inflamáveis e o C por material elétrico, por isso é mais completo”. 

Além das orientações quanto ao uso do equipamento de incêndio, a blitz teve como foco o motociclista. Agentes fiscalizaram os itens de segurança, documentação do condutor e do veículo. E para coibir a velocidade excessiva, também foi montado um radar estático na rodovia, após a ponte sobre o Ribeirão Taquaruçu, sentido Norte/Sul. 

Resolução

A resolução nº 333 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) restabelece a vigência da resolução de nº 153 do Contran que fixa especificações para os extintores de incêndio sendo equipamentos de uso obrigatório nos veículos automotores, elétricos, reboque e semirreboque. A resolução de nº 333 estabelece que a partir de 1º de janeiro de 2015, os veículos automotores só poderão circular equipados com extintores de incêndio com carga de pó ABC. 

Por: Redação

Tags: Alexandre Guerreiro, Contran, TO-050