Polí­tica

Foto: Divulgação

O senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO) lamentou os casos de corrupção e suas consequências para o país. Segundo o senador, a corrupção dos governos do PT tem gerado desemprego e tirado recursos da educação, da segurança e da saúde.

Ataídes elencou denúncias de irregularidades nos governos do PT, citando o Mensalão e a operação Lava Jato. O senador pediu mais transparência no governo e cobrou o fim da impunidade. Para Ataídes, a falta de transparência e a cultura da impunidade colaboram para a continuidade da corrupção. Ele afirmou que o Brasil vive uma crise de valores, com a corrupção “impiedosa e generalizada”. Para o senador, no entanto, o país vai superar essa crise.

"Então, vamos dizer não à corrupção malévola do PT. Vamos dizer não à pouca vergonha e ao descaramento do uso do dinheiro público. Vamos dizer não ao cinismo e mentira deste governo", afirmou.

Ataídes também pediu a união dos senadores em defesa dos interesses da população e chegou a dizer que estava triste pelos brasileiros trabalhadores, que têm de conviver com tantos casos de corrupção. O senador ainda cobrou mais mecanismos de controle dos recursos públicos, defendeu a reforma política e afirmou que o PT corre o risco de deixar de existir.