Polí­tica

Foto: Divulgação

O ex-deputado estadual e ex-prefeito de Nazaré, na região do Bico do Papagaio, Raimundo Moreira faleceu na noite deste domingo, 26, no Hospital Osvaldo Cruz em Palmas. Ele lutava contra um câncer há mais de cinco anos e faleceu aos 65 anos. Ele estava filiado ao PSDB e não disputou as últimas eleições de 2014.

Procurados pelo Conexão Tocantins os familiares informaram que o velório será ainda na madrugada de hoje no hall da Assembleia Legislativa e o sepultamento será no Assentamento Piaçava.

Moreira foi presidente da Assembleia Legislativa de 2011 a 2013 e passou grande parte do tempo licenciado para tratamento de saúde. Moreia chegou assumir o governo do Estado por três vezes na gestão do ex-governador Siqueira Campos. Durante os períodos afastados o então deputado se manteve otimista com relação ao tratamento e em várias entrevistas ao Conexão Tocantins chegou a dizer que estava se recuperando. Ano passado ele chegou a ser internado numa UTI em Brasília com graves dores no peito porém foi descartada a suspeita de infarto.

Na sua última gestão á frente da AL o deputado fez várias mudanças na Casa de leis como a instalação do novo painel de votação, da TV Assembleia dentre outras mudanças estruturais. Politicamente sempre esteve ligado ao grupo político do ex-governador Siqueira Campos a "extinta" União do Tocantins.

O ex-deputado deixa a esposa Rosely Borges da Conceição e dois filhos, Eveline e Danilo César.

Perfil

Moreira começou na política em 1988, junto com a criação do Tocantins, quando foi eleito prefeito de Nazaré (1989 – 1992). Desde que assumiu uma cadeira na Assembléia Legislativa, em 1995, Moreira vem ocupando cargos importantes na Casa, tendo sido segundo-secretário da Mesa Diretora, presidente de importantes comissões como a de Constituição, Justiça e Redação e a de Ética e Decoro Parlamentar, líder de governo e líder de bancada.

Moreira foi também presidente do Parlamento no biênio 1997/1998, ocasião em que assumiu o Governo de Estado por três vezes para substituir o então governador Siqueira Campos. De fevereiro de 2009 a 31 de janeiro de 2011, Moreira foi o líder do bloco oposicionista na Casa. Ele nasceu em 10 de fevereiro de 1950, no distrito de Piaçava, município de Nazaré (TO) que, na época, tinha aproximadamente 20 casas construídas de palha de coco babaçu. Raimundo Moreira traçou seu próprio caminho na vida e na política com muito esforço e dedicação.

Filho de pai lavrador e mãe quebradeira de coco babaçu, quando criança, ele ajudava o pai na roça e depois foi balconista, farmacêutico e professor primário concursado. Aposentado no cargo de advogado da União, pertencendo à carreira jurídica federal, o deputado é casado com Rosely Borges da Conceição Araújo, com quem teve dois filhos, Eveline e Danilo César.

Veja aqui os principais fatos da atuação parlamentar e política do ex-deputado Raimundo Moreira