Bastidores

Fontes de Brasília informaram ao Conexão Tocantins que as fusões previstas para acontecerem entre PSB e PPS e ainda entre Democratas e PTB são tidas como fracassadas pelos principais nomes do Congresso Nacional. As articulações já estavam acontecendo e faltavam as nacionais das legendas definirem como seria a fusão parece porém que o processo não teve andamento.

No Tocantins, o PSB é comandado pelo prefeito de Gurupi, Laurez Moreira e o PPS pelo deputado estadual Eduardo do Dertins. Um dos compromissos para que o prefeito de Palmas, Carlos Amastha se filiasse ao PSB era para que ele assumisse o comando da nova legenda que nasceria da união das siglas. Resta saber se Laurez abrirá mão do comando do PSB para o mais novo filiado. Segundo repercutiu a imprensa nacional a discussão sobre a unificação das legendas só ocorrerá após eleição municipal.

O PSB prefere voltar a debater a união com o PPS após as eleições municipais do próximo ano, quando as duas siglas terão para apresentar nas negociações o desempenho na campanha para prefeitos e vereadores.

O processo de consulta dos diretórios sobre a fusão – que é uma bandeira do PSb de São Paulo liderado pelo vice-governador Márcio França- deve ser concluído até a próxima semana, quando os partidos devem formalizar posição oficial. Já foi cancelado no entanto o congresso que o PSB faria no dia 20.

Por sua vez, a união entre democratas e trabalhistas está emperrada principalmente porque dois dos principais líderes das duas siglas, por acaso, goianos, são peremptoriamente contra. O senador Ronaldo Caiado, presidente regional do DEM e líder dos democratas no Senado, e o deputado federal Jovair Arantes, presidente regional do PTB e líder dos trabalhistas na Câmara Federal, não querem saber dessa conversa. E já manifestaram de forma ácida suas respectivas contrariedades.

Não vai ter fusão. Essa nós já enterramos. Quem quiser ir para o governo que vá. O DEM vai continuar na oposição”, afirmou Caiado essa semana. Os dirigentes estaduais, como os do Tocantins, por exemplo, aguardam definição das cúpulas nacionais.

Por: Redação

Tags: Democratas, PSB, PTB