Polí­tica

Foto: Divulgação

Com a intermediação do deputado estadual Elenil da Penha (PMDB), a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais, Apae, de Araguaína, conseguiu, esta semana, restabelecer a parceria com o Governo do Estado. Elenil acompanhou os dirigentes da entidade em uma reunião com o secretário de Saúde do Tocantins, Samuel Bonilha. O titular da Sesau garantiu ao parlamentar e aos representantes da Apae que o estado irá retomar os repasses para a associação a fim de custear a realização de testes do pezinho e a reabilitação da pessoa com deficiência intelectual e autismo. 

“Com o fim do convênio com o governo do estado, em novembro do ano passado, a prestação destes serviços ficou comprometida. Atendendo a uma solicitação da Diretoria Executiva da associação, fiz contato com o Secretário de Saúde, marcamos uma reunião na Sesau e o titular da pasta, Samuel Bonilha, se comprometeu a renovar a parceria com a entidade, possibilitando a continuidade dos atendimentos na APAE de Araguaína”, explicou Elenil.

Para Cristine Brito, diretora de saúde da Apae, a intervenção de Elenil foi fundamental para que a Sesau retomasse os repasses para a entidade filantrópica. “A Apae depende de parcerias como esta para continuar o seu trabalho filantrópico. Desde o começo do ano, estávamos tentando entrar em acordo com o estado para por fim a este impasse, mas por vários motivos, ainda não havíamos chegado a um entendimento. Graças à atuação do deputado Elenil, a Sesau e os representantes da associação resolveram as pendências e, agora, finalmente, podemos comemorar a celebração de um novo ciclo na parceria com o poder público”, afirmou a representante da entidade.

Sobre a Apae

Criada no Rio de Janeiro, em 1954, a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) é uma organização social que tem como principal missão promover a atenção integral à pessoa com deficiência. Em Araguaína, a entidade realiza cerca de 600 atendimentos por mês.