Polí­tica

Foto: Divulgação

Na manhã desta quarta-feira, 05 de agosto, o deputado estadual Wanderlei Barbosa (SD) em seu pronunciamento voltou a criticar a gestão municipal de Palmas, desta vez por desvios em recursos da saúde. O parlamentar argumenta que a Prefeitura terceirizou os serviços de radiologia nas Unidades Públicas de Saúde da capital por um valor 10 vezes acima do valor de mercado.

O deputado afirmou ter recebido esta semana em seu celular denúncia de superfaturamento na radiologia do município de Palmas.

De acordo com a denúncia, a Prefeitura de Palmas firmou contrato de um ano com a empresa Techcapital Diagnósticos & Equipamentos Médico-Hospitalares no valor de R$ 4.612.704,85 milhões, montante que é avaliado pelo Conselho como ilegal e com indícios claros de superfaturamento. “O dinheiro deveria ser usado para comprar remédios, para investir na saúde e não retirar. Todos os dias, cidadãos do Distrito de Taquarussu me procuram para ajudar comprar remédios por que nos postos de saúde não tem.”, disse o parlamentar.

O deputado disse que vai convocar o presidente do Conselho Nacional de Técnicos em Radiologia (CONTER) para levantar os números recebidos, e, que após comprovar os desvios, irá fazer a denúncia. “Estou iniciando o segundo semestre com as baterias revigoradas em defesa da população de Palmense”, ressaltou.

O parlamentar criticou também os vereadores da base do Prefeito Carlos Amasha (PSB) que segundo ele protegem malandragens feitas pelo governo que faz shows, planta gramas e maquia obras para desviar recursos da saúde. 

Por: Redação

Tags: Atividade Parlamentar, SD, Wanderlei Barbosa