Estado

Foto: Divulgação Marcelo Miranda destacou a importância da participação popular nas decisões do Governo Marcelo Miranda destacou a importância da participação popular nas decisões do Governo

Localizada na região sudeste do Estado e distante a 200 km da Capital, Natividade foi a cidade escolhida pelo Governo do Tocantins para sediar a terceira edição do evento Planejamento Mais Perto de Você, que visa ouvir a população para a elaboração do Plano Plurianual (PPA) do Tocantins 2016/2019.

A solenidade de abertura aconteceu no Colégio Estadual Doutor Quintiliano da Silva e contou com a presença de várias autoridades estaduais e locais, além dos nativitanos e moradores das cidades circunvizinhas. Na ocasião, o governador Marcelo Miranda destacou que o diálogo é o caminho para oferecer um serviço público de maior qualidade para a população.

“É com democracia que conseguiremos construir os pilares de um novo Tocantins. Nosso desejo é melhorar a vida do nosso povo, oferecer melhores serviços na saúde, na educação e na segurança pública. Para isso, viemos aqui ouvir vocês. A nossa administração é democrática e planejada para estar mais perto das pessoas”, assegurou Marcelo Miranda.

Presente no evento, a diretora de Saúde do município de Taipas, Rozivânia Moreira dos Reis, disse que o Governo do Estado e os municípios deveriam ampliar as parcerias referentes às ações de saúde. “Acredito que não adianta apenas reclamar, é necessário que a gente possa participar e opinar sobre a forma como os governantes irão investir o dinheiro público”, frisou.

Divididos em seis salas com eixos temáticos diferentes, os participantes vão discutir e apresentar as demandas de suas respectivas localidades para serem inseridas no PPA. A quarta edição do evento Planejamento Mais Perto de Você está programada para acontecer nesta segunda-feira, 21, na cidade de Palmeirópolis, região sul do Estado, a 458 km de Palmas.

Entenda o PPA

Assim como o orçamento familiar, os gastos e os investimentos do governo precisam ser planejados, visto que os recursos disponíveis são finitos e nem sempre conseguem atender todas as demandas da população. O PPA é necessário para que sejam definidas as prioridades e para que não haja desperdício da aplicação do dinheiro público. Previsto na Constituição Federal, ele é realizado a cada quatro anos e contém os programas e metas para as áreas da gestão estadual, como educação, habitação, segurança, saúde, agricultura, entre outras.

Por meio do PPA, o governo define, por exemplo, quais escolas, estradas e/ou aeroportos serão construídos ou reformados. Mas, o PPA não contempla apenas obras, ele serve também para definir ações do Governo, como financiamento aos microempreendedores e aos agricultores, compra de equipamentos para polícia, delegacias e unidades hospitalares, entre vários outros gastos.

O PPA tem uma visão de médio e longo prazo da administração pública, visando solucionar problemas e gerando ações para combatê-los, atendendo assim, às demandas da sociedade. O PPA é elaborado no primeiro ano de cada gestão e pode ser revisto e reajustado anualmente.

Planejamento Mais Perto de Você

A população dos 139 municípios do Estado será ouvida pelo Governo do Tocantins, como forma de aprimorar e qualificar a gestão pública. Para atingir esses municípios, o Estado foi dividido em oito regiões, são elas: Tocantinópolis (abrangendo 25 municípios do Bico do Papagaio); Xambioá (13 municípios da região norte); Natividade (19 municípios do sudeste); Palmeirópolis (13 municípios da região sul); Pedro Afonso (10 municípios do nordeste); Colinas (18 municípios do noroeste); Lagoa da Confusão (19 municípios do centro-oeste); e Aparecida do Rio Negro (22 municípios centro e Jalapão). Haverá ainda edições especiais do evento nas cidades de Palmas, Araguaína e Gurupi.

Composta por 19 municípios, a região sudeste do Estado possui 118.899 habitantes, segundo previsão para o ano de 2015 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

As cidades que compõem a região são: Almas, Arraias, Aurora do Tocantins, Chapada da Natividade, Combinado, Conceição do Tocantins, Dianópolis, Lavandeira, Natividade, Novo Alegre, Novo Jardim, Paranã, Pindorama do Tocantins, Ponte Alta do Bom Jesus, Porto Alegre do Tocantins, Rio da Conceição, São Valério da Natividade, Taguatinga e Taipas do Tocantins.