Polí­tica

Foto: Divulgação

O senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO) criticou duramente no plenário do Senado nesta terça-feira, 20, os cortes nos programas sociais e classificou o governo da presidente Dilma Rousseff como incompetente e irresponsável.

Ao comparar as promessas eleitorais de 2014 com o que chamou de “tesourada” na área social, Ataídes avaliou que Dilma enganou o povo para vencer a eleição. O senador lamentou a redução em programas como Farmácia Popular, Fies e Água Para Todos, que, segundo ele, eram apresentados como “vitrines” dos governos do PT. O senador acrescentou que o Pronatec se transformou numa “promessa falida” que jogou dinheiro “pelo ralo” e frustrou milhares de trabalhadores.

Ataídes ainda questionou a credibilidade de Dilma Rousseff e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para pedir sacrifícios à população. Ele ainda criticou os juros elevados e as intervenções no câmbio, que, para ele, geram desestímulo à economia, causam demissões e reduzem a classe média.

“Nosso País precisa crescer. Nós precisamos produzir. Nós precisamos botar produto na prateleira, porque só assim nós podemos gerar renda e emprego e tirar o nosso país desse caos em que se encontra”, declarou. (Agência Senado)