Esporte

Foto: Divulgação Prata nos Jogos Olímpicos de Sidney 2000 , o velocista Cláudio Roberto estará na Escolinha Nilton Santos  Prata nos Jogos Olímpicos de Sidney 2000 , o velocista Cláudio Roberto estará na Escolinha Nilton Santos

A Escolinha Nilton Santos, localizada, na 407 Norte, em Palmas recebe neste sábado, 14, às 16h, o padrinho da etapa de Palmas da Maratoninha da Caixa, o medalhista olímpico Claudio Roberto Souza, que conversará, com alunos, de 7 a 17 anos. Além dos alunos da Escolinha Nilton Santos, a atividade contará com a presença dos garotos da Escolinha do Cruzeiro e da Associação de Atletismo Chegando na Frente da Arno 43. O atleta vai relatar aos alunos sua carreira profissional e falar sobre os benefícios da prática esportiva.

Cláudio Roberto foi prata nos Jogos Olímpicos de Sidney 2000 e no Campeonato Mundial de Atletismo de Paris 2003, ambas as medalhas conquistadas no revezamento 4 x 100 m. A visita de Claudio Roberto integra o programa Heróis do Atletismo, realizado pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) com patrocínio da CAIXA. A ação cria oportunidades para as novas gerações conhecerem a história do atletismo brasileiro, preservando a memória dos campeões e difundindo a prática do esporte entre crianças e jovens.

Maratoninha

1.500 atletas na faixa etária entre 6 e 12 anos disputam neste domingo, 15, a partir das 9 horas, em frente ao Quartel do Comando Geral do Corpo de Bombeiros, em Palmas, o Circuito Maratoninha da Caixa. A competição terá 40 baterias, e os vencedores receberão de premiação uma bicicleta.

Projeto Escolinha Nilton Santos

A Escolinha de Futebol Nilton Santos, localizada na 407 Norte (antiga Arno 43), é uma unidade do Governo do Estado, administrada pela Secretaria do Esporte, Lazer e Juventude (Seelj). O projeto oferece aulas de futebol, com especialistas em treinamento e iniciação esportiva, gratuitamente, a estudantes da rede de ensino municipal e estadual de Palmas.

A Escolinha beneficia mais de 200 crianças e adolescentes por ano. A cada início de semestre são abertas novas turmas, com vagas para alunos de 7 a 17 anos, divididos nas categorias Sub-9, Sub-11, Sub-13, Sub-15 e Sub-17, com turmas pela manhã e no período da tarde.

Uma das exigências para fazer parte desse time de craques é a apresentação da declaração escolar, afinal, para ser bom de bola é preciso ser bom de nota. Os alunos têm a chance de participar de campeonatos de futebol, além de atividades extras nos fins de semana.

Inaugurada em 2001, o projeto tem o objetivo de promover socialização e melhoria na qualidade de vida dos jovens tocantinenses, por meio da prática de atividades físicas.