Estado

Os membros da Comissão Eleitoral da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Tocantins se reuniu no plenário da OAB/TO na manhã desta quarta-feira para julgar os pedidos de impugnação apresentados às chapas que concorrem às eleições seccionais de 20015, que ocorrem na próxima quarta-feira, 25.

Ao final do julgamento nenhuma chapa foi impugnada, permanecendo, então, no pleito as chapas “OAB Para Todos” e “OAB Protagonista”. A única desistência até o momento foi da chapa “Somos mais Ordem” encabeçada pela advogada Ester Nogueira, que já apresentou o documento formal de desistência do pleito à Comissão Eleitoral.

A Comissão Eleitoral julgou parcialmente procedente o pedido de impugnação apresentado pelo candidato Gedeon Pitaluga Júnior da chapa “OAB Para Todos” contra os candidatos Ângela Issa Haonat, André Francelino Moura e Marcelo Palma Pimenta Furlan da chapa “OAB Protagonista”. A Comissão Eleitoral determinou a substituição dos candidatos Ângela Issa Haonat e Marcelo Palma Pimenta Furlan em um prazo de cinco dias. Já a impugnação do candidato André Francelino Moura foi julgada improcedente.

A Comissão Eleitoral da OAB/TO esclarece que não houve, portanto, indeferimento de chapa, mas apenas o cumprimento de diligências para a substituição de membros da chapa “OAB Protagonista”.

Todos os demais pedidos de impugnação foram julgados improcedentes.