Geral

Foto: Divulgação

O trabalho e o exemplo de vida de Bel Pesce e o lançamento de seu 4º livro, Sua Melhor Versão Te Leva Além, trouxeram a jovem escritora e empreendedora à Palmas na noite desta última segunda-feira, 30/11, em palestra voltada ao desenvolvimento de carreiras, objetivo compartilhado com o Instituto Euvaldo Lodi (IEL), realizador do evento.

Em seu bate papo com estudantes, jovens empreendedores e comunidade em geral que participaram gratuitamente, Bel Pesce falou de suas experiências que incluem a criação de uma escola de desenvolvimento de talentos e inovação, a Fazinova, seu trabalho no Vale do Silício (Califórnia, Estados Unidos), região conhecida por abrigar as sedes das maiores empresas de tecnologia do mundo, e de projetos desenvolvidos de forma inovadora.

A criação de um software de jogos em 2007, quando estagiou na Microsoft, foi um destes projetos. Ela conta que precisou escolher entre oferecer o produto com código fechado, e dessa forma só ela e a equipe detentora do código poderiam criar novos jogos com aquela tecnologia, ou optar por um código aberto a programadores. “E a gente resolveu fazer aberto. Mais de 50 mil desenvolvedores fizeram algum programinha. Ao invés de fazermos 5 joguinhos, a gente conseguiu distribuir pro mundo inteiro e fazer 50 milhões”, contou.

A necessidade de ver as coisas de outra forma, não se prender a “médias” e buscar o autoconhecimento também foram abordados por Bel Pesce. “O mundo tem um problema. Tudo na vida tem uma maneira que a maioria das pessoas fazem. E se você foge dessa maneira você é considerado lunático e louco. Não é por mal, mas as pessoas querem evitar que você arrisque as coisas”, diz.

O formato de lançamento de seu livro, em todas as capitais, também fugiu ao usual que preconiza a realização em, no máximo, 5 estados.  A nova ideia foi aceita pelo IEL Nacional, braço da inovação da Confederação Nacional da Indústria (CNI), que a executa desde o início de outubro por meio de seus departamentos regionais.

“A ideia é despertar nestas pessoas o empreendedorismo que talvez esteja guardado dentro de cada um. A gente não pode pensar só em querer que o estudante, por exemplo, se torne um funcionário. A gente também pode incitá-lo a ser um empreendedor ou mesmo a ter uma postura empreendedora na empresa que ele venha a trabalhar”, explica a superintendente do IEL Tocantins, Roseli Sarmento.

Os feitos da empresária a colocaram entre os “30 jovens mais promissores do Brasil”, segundo a Revista Forbes. A nova publicação de Bel Pesce trabalha a importância do autoconhecimento para a realização de sonhos e projetos, algo como conhecer o que ela chama de manual de instruções de cada um e explorar, em benefício próprio, a natureza de cada um para chegar à melhor versão. O livro sucede os livros “A Menina do Vale” – que teve mais de dois milhões de downloads, “Procuram-se Super-Heróis” e “A Menina do Vale 2”.

A Menina do Vale, livro trabalhado com os alunos de Empreendedorismo pelo professor de Gestão e Negócios do Instituto Federal do Tocantins, Emerson Montenegro, motivaram-no a garantir a sua participação e da turma. “Ao saber desse evento vi uma oportunidade única deles escutarem da própria Bel, sua experiência e perceberem as características de um jovem empreendedor com uma jovem empreendedora”, explicou.

Por: Redação

Tags: Bel Pesce, Instituto Euvaldo Lodi, Palestra