Estado

Foto: Lia Mara

O governador Marcelo Miranda recebeu na tarde desta segunda-feira, 18, a visita oficial do novo comandante da Capitania Fluvial do Araguaia-Tocantins (CFAT), o capitão de fragata Gláucio Narildo da Costa Carvalho, que toma posse no cargo nesta quarta-feira, dia 20. A reunião reforça a parceria entre o Estado e a Marinha do Brasil.

De acordo com Gláucio Narildo, o encontro sela um compromisso de aproximação da sua gestão com a administração estadual. “Com muita alegria percebemos que já existe uma parceria entre o Estado e a Marinha e a intenção é manter este nível de cooperação para que possamos cumprir os objetivos da Capitania em prol da sociedade tocantinense”, explicou.

Na ocasião, Gláucio Narildo da Costa estava acompanhado do atual comandante, o também Capitão de Fragata Jorge João Cabral de Oliveira, que após dois anos no Tocantins, agora segue para o Rio de Janeiro. Ele assumirá a Diretoria-Geral do Pessoal da Marinha (DGPM).

Capitania Fluvial

A Capitania Fluvial do Araguaia-Tocantins foi criada por meio do Decreto nº 81.591, de 20 de abril de 1978, com a denominação de Capitania dos Portos do Estado de Goiás e Distrito Federal.  Mas a presença da Marinha do Brasil no Estado do Tocantins foi consolidada no dia 17 de maio de 2000, data em que foi inaugurada a sede da Capitania Fluvial do Araguaia-Tocantins, em Palmas.

O objetivo da instituição é cumprir e fazer cumprir a legislação, os atos e normas, nacionais e internacionais, que regulam os tráfegos fluvial e lacustre; realizar inspeções navais e vistorias; instaurar e conduzir Inquéritos Administrativos referentes a fatos e acidentes de navegação; e coordenar, controlar e/ou ministrar cursos do Ensino Profissional Marítimo (EPM).

Participantes

Também estavam presentes na audiência, o Comandante Geral da Policia Militar do Tocantins, Glauber Oliveira; o Comandante do Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins (CBMTO), Yuri Tenório; e secretário de Representação do Estado em Brasília, Renato de Assunção.