Esporte

Foto: Divulgação João Vieira ao volante do Tatuus FA T014 Fiat Abarth 1.4 #97 João Vieira ao volante do Tatuus FA T014 Fiat Abarth 1.4 #97

O piloto brasileiro tocantinense João Vieira cumpriu jornada proveitosa na segunda rodada tripla do Campeonato Italiano de Fórmula 4, disputada no Adria International Raceway. Com um pódio pelo 2º posto na primeira corrida da programação (sábado, 7) e mais dois 4º lugares (um no sábado e outro no domingo, 8), o único representante do Estado do Tocantins no automobilismo europeu evoluiu na classificação, subindo de 9º para o 5º lugar na pontuação.

Num circuito de 2.702 metros, onde sabidamente as ultrapassagens são difíceis, o competidor de 18 anos começou a escalada já nos treinos livres, quando esteve sempre entre os primeiros. No qualifying, ratificando a performance, obteve o 3º melhor tempo em seu grupo e, a partir daí, não deixou de figurar entre os ponteiros em nenhum momento do fim de semana na província italiana de Rovigo.

O piloto da equipe Antonelli Motorsport reconheceu, porém, que faltou potência para garantir resultados melhores ainda. Destacou que o fato de o circuito ser travado minimizou um pouco a deficiência, mas não o bastante para impedir algumas ultrapassagens em reta.

“No miolo eu conseguia segurar e até abria um pouco, mas na reta dos boxes essa diferença ficava evidente”, comentou João Vieira, que terá um novo motor na próxima rodada, marcada para 28 e 29 de maio, em Imola. “Como manda o regulamento, na próxima etapa haverá novo sorteio de motor e centralina, então, existe a chance de esse problema ser resolvido”, explicou.

Vieira fechou a rodada com 58 pontos no cômputo geral, resultado de um 2º (Adria), dois 4º (Adria), dois 6º (Misano) e um 12º (Misano). Após duas rodadas e cumpridas seis corridas das 21 programadas, a classificação do Campeonato Italiano de Fórmula 4 é a seguinte:

1 – Marcos Siebert (Argentina/Jenzer Motorsport) – 103 pontos

2 – Raul Guzman (México/DR Formula) – 93

3 – Mauricio Baiz (Venezuela/Kfzteile24) - 81

4 – Mick Schumacher (Alemanha/Prema Power Team) – 62

5 – João Ricardo Queiroz Vieira (Brasil/Antonelli Motorsport) – 58

6 – Simone Cunati (Itália/Vincenzo Sospiro Racing) – 51

7 – Job van Uitert (Holanda/Jenzer Motorsport) – 43

8 – Ye Yifei (China/Kfzteile24) – 36

9 – Juri Vipa (Estônia/Prema Power Team) – 34

10 – Leon Shlom (Rússia/RB Racing) – 34

15 – Giuliano Raucci (Brasil/Diegi Motorsport) – 16