Estado

Foto: Pedro Barbosa Parceria entre gestores e produção agrícola foi a pauta da reunião Parceria entre gestores e produção agrícola foi a pauta da reunião

O governador Marcelo Miranda foi recebido pelo embaixador japonês, Kunio Humeda, para um almoço na sede da embaixada, em Brasília (DF), nessa segunda-feira, 12. A reunião teve como tema a apresentação de um projeto a ser desenvolvido entre Governo do Tocantins, governo japonês e iniciativa privada, com objetivo de promover o desenvolvimento agroindustrial no Tocantins.

O secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turístico do Tocantins, Alexandro de Castro, participou da reunião e explicou que o objetivo do projeto é a atração dos investimentos das empresas privadas com foco no mercado internacional. “Os projetos propõem a estruturação de uma Zona Especial de Negócios voltada para o processamento de produtos primários destinados aos mercados internacionais”, esclareceu.

O embaixador enxerga no Tocantins um estado com grande capacidade de atrair investimentos para a cadeia produtiva do agronegócio. Após a apresentação, ele afirmou que as parcerias entre o governo japonês e o brasileiro têm sido frutíferas e recebeu com entusiasmo a proposta tocantinense. “As empresas japonesas têm muito interesse no Tocantins e esse relatório é de grande valia para nossos investidores”, afirmou Kunio Humeda.

 “O mercado internacional tem alta demanda de produtos alimentícios e para atender é necessário a busca de novas áreas de produção. O Tocantins é um dos poucos locais onde existe potencial produtivo a ser explorado, recursos naturais, infraestrutura já construída e logisticamente competitiva. A demanda do mercado internacional de carnes, óleos vegetais e peixes é imensa, significando grandes oportunidades para empresas nesta área”, destacou o governador Marcelo Miranda. 

Estava presente na reunião, o ex-ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues, um dos entusiastas e apoiadores da viabilização desse projeto. Também participaram, o secretário de Estado do Planejamento e Orçamento, Davi Torres; o chefe do Escritório de Representação em Brasília, Renato de Assunção; os consultores internacionais, Isidoro Yamanaka, Masayuki Honjo e Roberto Kurokawa, acompanhados pelo ex-ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues. 

Agrovale Tocantins 

O conceito do Agro Tocantins é a estruturação e a verticalização das cadeias produtivas do agronegócio. O Estado pretende propiciar suporte na melhoria da infraestrutura básica para que as empresas privadas possam oferecer, a partir do Tocantins, produtos de alta qualidade, competitivos no mercado internacional. Por meio desta estratégia, o Estado pretende estimular exportação de grãos, rações, carnes e peixes processados. Para alcançar essa meta, serão utilizadas as áreas de pastagens atualmente subutilizadas e áreas de irrigação. Entre as etapas está o fomento de uma rede com empresas de diversas áreas: produção, logística, atacadistas, varejistas, revendas, assistência técnica e instituições financeiras.