Estado

Foto: Divulgação

Neste dia 5 de outubro o Sindifiscal expressa o orgulho da categoria que representa em contribuir, de forma ampla, para o desenvolvimento do Estado e respalda esse orgulho na  história do Fisco tocantinense, que se confunde com a história do Tocantins, já que os auditores chegaram aqui logo depois da fundação do Estado ao atender a convocação para o concurso público que os nomearia  em 1994.

Antes disso o mais novo Estado da Federação já contava com  servidores remanescentes de Goiás. “Estes pioneiros ajudaram a pavimentar o nosso caminho e superaram dificuldades para iniciar os trabalhos no Fisco e em outros órgãos da administração pública estadual, deixando um legado de resistência e força”, afirma o presidente Carlos Campos.

Numa abordagem dos dias atuais, Campos reflete sobre a necessidade de continuar a fazer história, apesar das dificuldades enfrentadas. “Muito já foi construído pelos servidores e a sociedade tocantinense em geral. Porém, muito mais ainda será feito. Não vivemos um momento de conforto administrativo e financeiro, mas com certeza encontraremos o melhor caminho para superar esse período e consolidar a continuidade dessa história, através da união entre sociedade,servidores e instituições. Aliás, nunca nos furtamos do nosso dever como cidadãos, apesar dos problemas instalados, continuamos”,pondera.

“Assim, dia-a-dia, página por página, vamos escrevendo a história desse lugar que nos adotou como filhos, essa terra chamada Tocantins a qual aprendemos a defender, respeitar e amar. Por esses 28 anos, os auditores parabenizam o Tocantins e todos os cidadãos que abraçaram esse lugar,” completa.

Por: Redação

Tags: Carlos Campos, Sindifiscal