Polí­cia

Foto: Dennis Tavares

Dando continuidade as ações de combate ao tráfico de drogas, em Palmas e em todo o estado, a Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada em Narcóticos (DENARC) apreendeu na tarde desta quinta-feira, 27, em Palmas, 65 kg de maconha, droga que estava em poder de Carlos H. S. B., de 32 anos, preso em flagrante por tráfico de drogas. 

Conforme o delegado Guilherme Rocha, responsável pelo caso, o indivíduo estava sendo monitorado há alguns dias, devido a suspeitas de envolvimento com o tráfico e, especialmente de atuar como “gerente do tráfico”, na Capital. Na tarde de hoje (27), os policiais civis da Denarc obtiveram informações de que Carlos receberia um grande carregamento de entorpecente destinado a abastecer “bocas de fumo”, em toda a cidade.

Com base nas informações, os policiais civis intensificaram o monitoramento ao suspeito e, na tarde desta quinta-feira (27), quando o mesmo saiu de sua residência passou a ser acompanhado pelas equipes da Denarc. Quando Carlos, que conduzia um VW Voyage de cor preta, entrou uma das avenidas que dá a Quadra 1003 Sul, os policiais civis interceptaram o veículo e tentaram realizar a abordagem do indivíduo, no entanto, ao perceber a presença dos policiais, o suspeito tentou empreender fuga e jogou o carro contra os policiais, que tiveram que efetuar alguns disparos de arma de fogo nos pneus do carro e, desta maneira deter do indivíduo.

Ao realizar buscas no interior do carro, os agentes localizaram e apreenderam 65 tabletes de maconha, os quais estavam em sacolas plásticas e pesaram 65 kg da droga. Em seguida, Carlos foi conduzido à sede da Denarc, onde foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e, logo após, foi recolhido à carceragem da Casa de Prisão Provisória de Palmas (CPPP), onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário. 

Para o delegado Guilherme Rocha, as ações realizadas pela Denarc, nesta quinta-feira, demonstram que as equipes da Delegacia Especializada estão empenhadas e comprometidas e trazer mais segurança e tranquilidade à população. “Em menos de 36 horas, apreendemos 118 kg de maconha, droga que teria como destino, a cidade de Palmas, onde abasteceria “bocas de fumo” da capital  é oriunda de organização criminosa do narcotráfico, que está instalada no estado do Tocantins”, ressalta. 

O delegado também destaca que as ações da Denarc serão intensificadas com o objetivo de apreender mais drogas e capturar mais traficantes, em Palmas e demais municípios do interior do estado. “O trabalho ininterrupto e incansável dos policiais civis da Denarc é movido pela consciência e pela certeza de que as ações realizadas salvam vidas e protegem a dignidade da família tocantinense”, pontuou.