Estado

A população de comunidades quilombolas dos municípios Porto Alegre do Tocantins e Almas, na região sudeste do Estado, vão receber esta semana a caravana do Projeto Expedição Cidadã da Defensoria Pública do Estado do Tocantins (DPE/TO). Os atendimentos para aqueles que precisam de assistência jurídica gratuita vão acontecer na quinta-feira, 10, nas comunidades Lajeado, São Joaquim e Lajinha, no município de Porto Alegre, das 8h30 às 13 horas. E na sexta-feira, 12, nas comunidades Baião e Poço Dantas, no município de Almas, das 9 às 14 horas.

Os interessados, que não tenham condições financeiras de pagar um advogado, devem se deslocar até o local de atendimento portando documentação pessoal: RG, CPF, Certidão de Nascimento ou Casamento (de todos os envolvidos), comprovante de renda e comprovante de residência; e ainda outros documentos relacionados ao assunto do atendimento. Serão atendidas demandas como: pensão alimentícia e guarda de filhos, defesas criminais, questões financeiras na área cível, registros, certidão de nascimento, necessidade de acesso a serviços de saúde, questões agrárias, entre outros.

O projeto Expedição Cidadã, realizado em parceria com Assembleia Legislativa do Estado, tem como objetivo levar o acesso à justiça às populações mais isoladas e carentes do Estado. Esse ano já foram realizadas 29 edições. 

Por: Redação

Tags: Almas, Defensoria Pública, Porto Alegre