Campo

Foto: Divulgação

Com proposta de disseminar informações e construir estratégias para o fortalecimento da cadeia produtiva da cultura da mandioca no Tocantins, a Secretaria do Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária (Seagro) realiza no próximo dia 06, o Seminário Estadual sobre a Cadeia Produtiva da Cultura da Mandioca: Cenário atual e oportunidades para o Desenvolvimento da Cultura da Mandioca no Estado do Tocantins. O evento acontece no auditório Sindicato e Organização das Cooperativas Brasileiras no Estado do Tocantins (OCB-TO), em Palmas.

O seminário é uma realização do Governo do Estado, por meio da Seagro, em parceira com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e Instituto do Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins), com apoio da OCB-TO.

De acordo com o gerente de Assistência Técnica e Extensão Rural da Seagro, José Carlos Moraes, o seminário será direcionado não apenas aos produtores, mas também aos agentes públicos e empresários da agroindústria de Palmas e municípios circunvizinhos.

Para o gerente o seminário será uma oportunidade para os produtores interessados em iniciar ou que já cultivam a mandioca. “A mandioca é uma planta que pode ser cultivada em todo o Estado e aqui no Tocantins à demanda é grande, o produtor tem garantia de venda. Outra vantagem é que pode ser consorciada a outras culturas”, adiantou José Carlos Moraes.

Programação:

13h às 13h30 – Mandiocultura no Tocantins: Cenário Atual e possibilidades;

13h30 às 14h – Questionamentos, complementações e esclarecimento;

14h às 14h30 – Como aumentar a produtividade da cultura da mandioca: As tecnologias disponíveis;

15h às 15h30 – Ações realizadas para desenvolver a cultura da mandioca no estado do Tocantins;

15h30h às 16h30 – Ações estratégicas para o desenvolvimento da cultura de mandioca no estado do Tocantins;

17h às 18h – Elaboração de manifesto pelo desenvolvimento da mandiocultura no Estado do Tocantins.